Faculdade

Destaques

Doutoramentos no âmbito do Projecto "Crossing Borders"

08-03-2018

2018 iniciou com dois doutoramentos no âmbito do projecto "Crossing Borders. História, Materiais e Técnicas de pintores portugueses, 1850-1918". Discutidas a 5 e 12 de Janeiro, as teses de Ana Margarida Silva e Ângela Ferraz estarão em breve disponíveis na plataforma RUN, onde podem ser consultadas as teses de dois outros investigadores do projecto, Cristina Montagner e Diogo SanchesCrossing Borders promoveu investigação de carácter interdisciplinar entre áreas da ciência e da arte. A investigação centrou-se na prática artística de mestres portugueses, abarcando os movimentos artísticos do Romantismo, Naturalismo e Modernismo. Historiadores de arte, curadores, conservadores, cientistas da conservação e da informática colaboraram no estudo de obras selecionadas das coleções da Casa Museu Anastácio Gonçalves, do Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian e do Museu Nacional de Arte Contemporânea - Museu do Chiado. Esta investigação estabeleceu uma caracterização mais precisa destes movimentos artísticos, discriminando se as suas práticas eram únicas ou semelhantes às utilizadas por outros artistas noutros países, permitindo perspetivá-los no seu contexto histórico e social. Contribuiu para um melhor conhecimento dos mecanismos de envelhecimento dos materiais da obra de arte, que será o suporte para o desenvolvimento das estratégias de conservação mais adequadas à sua preservação.

Navegação